Sunday, February 14, 2010

Bronzeamento artificial novamente liberado


Comentamos aqui que esse procedimento bizarro havia sido interditado no país.
Mas "mais uma vez, a vaidade se sobrepõe á saúde. Mais uma vez, os interesses econômicos prevalecem e mais uma vez a "Justiça" brasileira toma uma decisão que favorece grupos eonômicos em detrimento dos interesses maiores da população".

Leiam o restante do artigo publicado pelo jornal BEM ESTAR, edição de fevereiro/2010:

"No começo de janeiro, uma antecipação de tutela obtida pela Associação Brasileira de Bronzeamento Artificial, liberou em todo o país o uso de bronzeamento artificial.
Segundo o advogado da associação, Eugênio Palazzi, o juiz se baseou na inconstitucionalidade da proibição. "Foi o Tribunal Regional Federal que orientou o juiz a conceder a decisão", disse ele.

O único dado positivo foi que a liminar não tem caráter definitivo, podendo ser revogada a qualquer momento. A Anvisa afirmou que pretende recorrer.

Dois estabelecimentos nos RS e outro no Paraná já haviam obtido no final de 2009 autorizações para oferecer o perigoso procedimento. Desde novembro do ano passado, o bronzeamento artificial foi proibido no país pela Anvisa, baseado em estudos conclusivos que mostram que os raios ultravioleta emitidos pelas câmaras aumentam consideravelmente os riscos de câncer de pele. Tão impressionante quanto o fato de empresas oferecerem um serviço comprovadamente cancerígeno, é o fato de tantas pessoas buscarem esse tipo de procedimento, sabendo que correm riscos graves. Arriscam a vida por um final de semana com o corpo moreno..."

Na verdade, sabemos que muitos outros procedimentos são comprovadamente cancerígenos ou causadores de várias doenças, além de enfraquecer o sistema imunológico, mas nem por isso, as pessoas param de consumir: cigarros, álcool, inúmeros alimentos industrializados, alguns cosméticos e tinturas de cabelo, drogas etc e etc.

3 comments:

borboleta africana said...

o pior cego é aquele que não quer ver...

Vera Falcão said...

Um belo e forte exemplo disso temos com a obra Ensaio sobre a Cegueira (tanto o livro quanto o filme...). Árduo é o caminho de quem enxerga!

Bruna said...

Não acredito que foi liberado novamente! Que absurdo!!

Caí no seu blog em busca de fotos sobre o bronzeamento artificial, pois meu próximo texto no blog será sobre isso.

Aliás, esse frango assado está perfeito para retratar esse procedimento bizarro, que as pessoas fazem ridiculamente apenas para se adequar a um padrão de beleza.

Obrigada!