Sunday, January 18, 2009

A equinácea e a popstar


Figuras em contínua exposição na mídia têm grande poder nas mãos: são criadoras de comportamentos e inspiram milhares de pessoas a segui-los.
Tanto podem ser negativos quanto positivos e quando são da última espécie, temos que comemorar, pois há uma quantidade bem maior de maus exemplos veiculados pela televisão, expostos nas páginas dos jornais e revistas e disseminados pelos filmes.
Madonna conseguiu popularizar o uso da equinácea, bastando para isso ter incluído o chá feito com essa planta na sua lista de exigências no hotel onde hospedou-se na sua recente tour brasileira.


O artigo foi publicado em ZH Dominical (18/01/09).

Ela caiu nas graças de Madonna e ganhou fama no mundo inteiro.
A equinácea, muito utilizada pelos índios norte-americanos, combate o resfriado e ajuda na regeneração dos tecidos

De resfriado a herpes labial, a equinácea estimula a ação das células de defesa e a regeneração dos tecidos. Embora seja velha conhecida do mundo científico, que já propagou algumas de suas propriedades, tornou-se popular desde a notícia de que Madonna é adepta da planta. Na passagem pelo Brasil, a cantora incluiu em sua lista de exigências para o Hotel Copacabana Palace o chá de equinácea todos os dias. Se a equinácea ainda não tinha virado moda, chegou a sua vez.

O que pouco se comenta é que os índios americanos já usavam praticamente todas as partes da planta para diversas finalidades: faziam infusão para tratar picadas de inseto e mordidas de cobras venenosas. Também fumavam a equinácea para o alívio de dores de cabeça e mascavam a raiz para combater a dor de dente.

No meio acadêmico, em 2007, uma pesquisa da Universidade de Connecticut, nos Estados Unidos, indicou a planta para a prevenção do resfriado. Segundo o estudo, ela reduz em até quatro vezes o tempo de duração da gripe. Quando combinada à vitamina C, as chances de desenvolvimento do resfriado caem em até 86%. Além disso, a raiz é recomendada no tratamento de queimaduras e ferimentos, devido à sua ação bacteriana.

De acordo com a farmacêutica Laila Espíndola, da Universidade de Brasília, por ser nativa da América do Norte, é difícil encontrá-la no Brasil. Apesar disso, devido às diversas propriedades benéficas ao organismo, cientistas estão atentos ao seu princípio ativo. O consumidor brasileiro pode achar com maior facilidade as cápsulas, feitas a partir da raiz ou das partes altas da planta, colhidas durante a primavera."



Mas para muitos a equinácea não é nenhuma novidade, principalmente para quem costuma usar métodos alternativos na cura e manutenção da saúde.
Em uma das minhas comunidades do orkut, a MÃES NATUREZA, há muito tempo o uso e as qualidades da equinácea são indicados como uma forma natural de estimular o sistema imunológico, principalmente para evitar gripes e resfriados.

Transcrevo algumas informações que postei por lá:

Muitos me perguntam sobre o uso da equinácea, a dosagem, para que serve, como comprar etc. Então, fiz esse resumão que espero tire as dúvidas sobre o assunto.

A equinácea é uma planta com ação anti-inflamatória e anti-bacteriana, que reforça o sistema imunológico, aumenta a produção de glóbulos brancos, os responsáveis por atacar infecções.
Existe sob várias formas, em gotas (tintura), comprimidos, pastilhas para chupar, cápsulas e chás.
Na minha experiência, utilizei a tintura e as cápsulas e a única diferença notada foi que as cápsulas são mais práticas para carregar e tomar.
É importante que sejam compradas numa FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO IDÔNEA, pois como hoje existem farmácias em todo o canto para o qual se olha, como teremos certeza da qualidade do produto, já que elas brotam como pipoca em panela quente?

Quanto ao tempo de uso: na prevenção, tomar por uma semana (7 dias), com intervalo de 1 semana e retomando novamente o ciclo. Deve-se fazer intervalos, pois existem estudos que demonstram que a sua eficiência diminui se for em uso prolongado, e ao interromper, pode-se alternar com outras plantas nesse intervalo (ou a própolis).
Caso já estejam doentes: o uso não deve ultrapassar os 7 dias, podendo fazer uma pausa de 2 dias e retomar, ou até os sintomas estarem eliminados, mas deve manter por mais 2 dias o uso da erva, para não haver recaídas; após os sintomas desaparecerem é sugerido retomar após 1 semana, com as dosagens de prevenção.

BÊBES COM MENOS DE 6 MESES NÃO DEVEM TOMAR, POIS A MAIOR PROTEÇÃO PARA ELES É O LEITE MATERNO.

DOSAGENS:

Na forma de TINTURA - crianças até 4 anos - 3 gotas uma vez ao dia (na prevenção) e se já estiverem doentes, 3 x ao dia. Pode diluir na água ou no suco, melhor se dado em jejum.
Crianças maiores: 8 gotas - 1 x ao dia, na prevenção - 3 x ao dia, se doentes.

Na forma de CÁPSULAS OU COMPRIMIDOS:

Como preventivo:
Crianças de 6 meses a 3 anos - 250mg 1 vez por dia (ou 125mg 2 x dia)
Crianças dos 4 aos 12 anos - 500mg 1 x dia (ou 250mg 2x dia)
Adolescentes e adultos - entre 500 a 1000mg 1 ou 2 x dia

Em caso de já estar doente:
Crianças de 6 meses a 3 anos - 250mg 3 vez por dia (ou 125mg 4 x dia)
Crianças dos 4 aos 12 anos - 500mg 3 x dia (ou 250mg 4 x dia)
Adolescentes e adultos - 1000mg 2 x dia

NÃO ESQUECENDO da importância da ALIMENTAÇÃO EQUILIBRADA, pois não adianta usar substâncias para agilizar o sistema imunológico e, ao mesmo tempo, ingerir toxinas que ajudam a criar um anbiente favorável para a instalação das bactérias e vírus.
É como dar dois passos para a frente e logo depois, dar dois passos para trás...
O processo de manter o equilíbrio envolve vários elementos e há várias ferramentas, que juntas, podem auxiliar nessa manutenção.


Há pouco tempo atrás, comprava-se equinácea livremente, mas é uma das ervas que agora, segundo a Anvisa, necessita de prescrição médica.
As dosagens aqui indicadas foram retiradas da seguinte fonte:
Guia Médico para a Saúde Infantil um guia prático de A a Z dos tratamentos naturais e convencionais de bebês e crianças - Janet Zand, Rachel Walton e Dr. Bob Rountree - Editora Campus

7 comments:

Carla Beatriz said...

Vera,

Tem um Meme para ti lá no Vai, Carla! Ser Gauche na Vida!

Vai lá conferir!

Beijos

Mary said...

Verinha querida,já estou indo amanhã comprar minha tintura!eu e meu filhote estamos começando a ficar resfriados,mas já tomamos a tansagem...adorei a dica!

camila said...

Oi Vera,

espero que nao se importe, mas achei o post otimo e em uma comunidade do orkut (Pediatria Radical) tinha uma mae perguntando sobre a equinacea, entao copie e postei la todo o seu texto, deixando a devida referencia claro.

Vera Falcão said...

Oi, Camila, com as devidas referências, tudo bem!

julio Cesar said...

muito legal seu blog, vou ficar assiduo leitor. Parabéns.

julio Cesar said...

Gosto muito dos assuntos tratados aqui. E são muito bem escritos. parabens

Vera Falcão said...

julio Cesar, obrigada pelos elogios e volte mesmo para acompanhar as postagens, abraço!